Skip to content Skip to sidebar Skip to footer

MasterClass 2009

 

Desde ontem (16/3), está acontecendo a quinta edição do “MasterClass: Trabalhando com a Física de Altas Energias (Hands-on Particle Physics MasterClasses)”, que terminará no dia 3 de abril.

No evento, estudantes do ensino médio estão acompanhando de perto o trabalho dos físicos de altas energias, ajudando a desvendar propriedades das partículas elementares.

São cientistas de mais de 100 universidades e laboratórios, em 24 países. As palestras e exercícios deste ano darão uma visão panorâmica sobre o funcionamento do LHC.

Segundo a organização do evento, a inauguração, em setembro de 2008, do Large Hadron Collider (LHC), da Organização Européia para a Pesquisa Nuclear (Cern), estimulou uma participação recorde de mais de 6 mil estudantes.

Na cidade de São Paulo, o evento conta com a presença de estudantes e professores do Colégio Dante Alighieri, da Escola de Aplicação da Faculdade de Aplicação da Universidade de São Paulo, da Escola Vera Cruz e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia. As atividades são no Edifício do Milênio, cedido pelo Centro de Ensino e Pesquisa Aplicada (Cepa) no Instituto de Física da Universidade de São Paulo.

No Rio de Janeiro, o MasterClass 2009 conta com a participação de estudantes do último ano do ensino médio, do primeiro ano de graduação dos cursos de física e engenharia, bem como dos alunos concluintes do curso de Licenciatura em Física da UERJ.

Participam também alunos e professores do projeto Casa da Física, da Universidade Federal do Amazonas.

Os estudantes do ensino médio selecionados estão visitando instituições de pesquisa próximas às suas escolas e trabalhando com dados armazenados por experimentos de aceleradores de partículas do Cern. Examinarão resultados experimentais de colisões entre elétrons e pósitrons, viajando próximos à velocidade da luz em um acelerador com 27 quilômetros de circunferência.

Os participantes usarão programas de computador para analisar dados gravados por experimentos do Large Electron Positron (LEP) que operou durante a década de 1990. Por meio de videoconferência, os estudantes irão comparar e discutir resultados de suas análises com os de participantes de outros países, da mesma forma que físicos de altas energias fazem cotidianamente em suas colaborações internacionais.

O evento tem hoje (17/03) o Dia de Pesquisa do Professor, em que professores do ensino médio assistirão a palestras feitas por pesquisadores e receberão material e sugestões para aplicarem nas salas de aula.

O programa MasterClass 2009 conta, pela segunda vez, com a participação de instituições brasileiras: o Centro Regional de Análise de São Paulo (Sprace), que envolve pesquisadores da Universidade Estadual Paulista e da Universidade Federal do ABC, e o grupo de Física de Altas Energias da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Esses pesquisadores participam ativamente da pesquisa científica em física de altas energias como membros da Colaboração CMS (Compact Muon Solenoid) do Cern.

Os coordenadores do MasterClass 2009 são Sandra Padula, em São Paulo, e Márcia Begalli e Vitor Oguri, no Rio de Janeiro.

Mais informações, nos sites Master Classes e Sprace.

Fonte: Agência Fapesp

 

Show CommentsClose Comments

2 Comments

Comments are closed.